segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

NÃO DEU PARA NÃO PUBLICAR

Tenho ouvido tanta piada velha que não posso deixar de reproduzi-la. Quem me passou foi o meu colega Claiton Magalhaes, depois de receber um e-mail de um amigo dele, Ronaldo Vianna Eifler. Como não falei com o Ronaldo e não sei quem mandou para ele, fico por aqui nos créditos. E vamos à piada:

BOLICHO DE CAMPANHA

O gauchão entra em um boteco e vê anunciado acima do balcão:

Canha.......................... R$ 1,00
Cerveja.........................R$ 2,50
Pastel............................R$ 2,00
Sanduíche de galinha.....R$ 3,00
Acariciar órgão sexual...R$ 5,00

Checando na carteira para não passar vergonha, ele vai até o balcão e chama uma das três gurias que estão ali servindo:

– O guria, colicença!
– Sim – responde ela com um sorriso lindo. – Em que posso ajudar?
– É tu que acaricia os órgão sexuar dos freguês?
– Sou eu mesma - responde ela com voz caliente e um olhar bem sensual.
– Então tu me lava bem as mão e me serve um pastel.

Moral da história: "Nós semo grosso, mas temo giene"

Aproveitando a olada, se ainda não concorreu aos cinco livros, vai ali no dia 4 de dezembro e boa sorte.
Mas vai logo que o prazo é só até 15 de janeiro. É de grátis.