quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

MAIS UMA SOBRE A ORIGEM DAS PALAVRAS

Qual a origem da palavra nenê?
   Muitas pessoas, especialmente as mulheres, consideram nenê uma palavra graciosa, bonitinha, pelo que representa. Desculpem-me essas pessoas, mas tenho compromisso com a verdade, como diria o meu amigo Luiz Armando Vaz. Nenê significa fedido, na língua original, o guarani.
   Contam os estudiosos do idioma do principal grupo indígena brasileiro que a repetição de termos, como ne-ne, indica plural ou abundância. Sobre a origem, relatam os especialistas a seguinte informação: quando os índios do Brasil, ou da Terra de Pindorama, foram aprisionados pelos portugueses, que queriam transformá-los em escravos, as índias passaram a cuidar das crianças das mulheres brancas. Tudo ia bem até que o pequenino fazia suas necessidades fisiológicas nas fraldas e ficava malcheiroso. A índia simplesmente a levava até a patroa e dizia "nê, nê". A branca achava graça do dito da índia e tomava a criança para trocar as fraldas. De tanto ouvirem nê, nê, na boca das índicas, as brancas achavam que a expressão significava bebê para as índias e o apelido pegou.

(Baseado no livro Palavras Indígenas no Linguajar Brasileiro, de Mário Arnaud Sampaio, editado pela Sagra D-C-Luzatto em Porto Alegre, em 1995.)

2 comentários:

Dalva Maria Ferreira disse...

Que barato! Tantas coisas herdamos das nossas mães índias e negras, que nem sabemos mais o quanto elas foram importantes na criação da nossa identidade. Eu tive uma matéria interessantíssima quando estudei Letras (inglês) nos idos dos anos 70. Era a matéria Toponímia, e ali eu me ative mais à origem dos nomes das nossas cidades. Super interessante!

vidacuriosa disse...

Legal, Dalva. Está na minha pauta, postagem sobre origem do nome das cidades gaúchas e também dos bairros de Porto Alegre e região metropolitana. Dá assunto pro resto da minha vida.
Obrigado pela participação.